Polícia de São João de Meriti ficará interligada ao Centro Integrado de Comando e Controle

A prefeitura recebeu da Secretaria de Estado de Segurança, nesta segunda-feira (31), 45 rádios transmissores que ficarão integrados ao Centro de Inteligência, Comando e Controle (CICC), permitindo a comunicação direta com as polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Administração Penitenciária, entre outras forças de segurança.

“A iniciativa é importante, mas é só o primeiro passo. O que vai resolver nosso problema é a PM nas ruas e sufocando o tráfico de drogas. Além disso, é preciso controlar a entrada de armamento no Estado”, disse Dr. João.

A entrega dos equipamentos foi feita pelo subsecretário de Comando e Controle da Secretaria de Estado de Segurança (Seseg), Rodrigo Alves, e o superintendente de Comunicações Críticas Alexandre Corval. As prefeituras de Caxias e Mesquita também receberam os rádios. Com isso, treze prefeituras passam a ser integradas ao Centro de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova.

Além do prefeito Dr. João, estiveram presentes à solenidade, no auditório do CICC, o deputado estadual Marcos Müller, o presidente da Câmara de Vereadores de São João de Meriti, Davi Perini Vermelho (Dide), o secretário de Segurança, Ordem Pública e Cidadania de Mesquita, Sérgio Mendes e o secretário de Segurança de Duque de Caxias, Robson André.

Adquiridos e utilizados durante os Jogos Rio 2016, os rádios são um importante legado e permitem a comunicação com outros órgãos de segurança, beneficiando diretamente a população dessas áreas.
O subsecretário de Comando e Controle, Rodrigo Alves, falou da importância da parceria entre os municípios:

“A melhor forma de enfrentar a crise pela qual passa o estado é somando esforços. No momento, a maior integração é fazer com que todos possam se falar: na mesma linguagem, no mesmo canal. A entrega dos rádios hoje permite isso. Isso facilita muito os planejamentos e agiliza os contatos “, afirmou o subsecretário.

O superintendente de Comunicações Críticas, Alexandre Corval, destacou a importância dos aparelhos:

“Essa rede é digital e esses equipamentos são capazes de trafegar dados. É possível ter acesso a uma aplicação para que seja feito o monitoramento por GPS do posicionamento do efetivo que estiver em suas atividades corriqueiras. Uma outra informação importante é que a rede possui uma estrutura de segurança, precisa de autenticação e a comunicação é segura. Além dos grupos que cada prefeitura vai construir, todos os rádios vem acompanhados de grupos de comunicação de todas as forças que operam na rede “, disse ele.

Desde o primeiro semestre, a superintendência de Comunicações Críticas (SSCRIT) da subsecretaria de Comando e Controle (SSCC) vem fazendo a entrega dos radiotransmissores em todas as regiões do Estado. As prefeituras de Niterói e São Gonçalo foram as primeiras a serem beneficiadas. Em seguida, foram alinhados convênios com os municípios do Médio Paraíba (Piraí, Barra do Piraí,Volta Redonda, Barra Mansa, Quatis, Porto Real, Resende e Itatiaia), assim como da Região Centro-Sul Fluminense (Valença e Paraíba do Sul) e outros municípios do estado, totalizando 22 acordos de cooperação firmados.

Do total de 12 mil aparelhos, cinco mil haviam sido cedidos pelo Estado inicialmente para a organização dos Jogos Rio 2016. Eles foram vistoriados e reconfigurados pela superintendência. Sete mil aparelhos já haviam sido incorporados à Polícia Militar e outros dois mil à Polícia Civil, enquanto duzentos estão em uso pela Secretaria de Segurança. Outros 300 foram entregues à Secretaria de Estado de Administração Penitenciária.

Os 12 mil novos aparelhos são mais resistentes, inclusive à água, e contam com sistema digital no padrão TETRA criptografado, que garante a rápida resposta e comunicação segura entre as equipes operacionais espalhadas por todo Estado e o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Além da alta qualidade de som, os aparelhos permitem o monitoramento por GPS – com localização das equipes em campo por mapas digitais e identificação rápida do atendimento mais próximo da ocorrência – e longa autonomia da bateria. A tela dos novos aparelhos foi aprimorada e permite o envio de mensagens curtas, estilo SMS. Entre os acessórios, o rádio dispõe de sistema PTT (push to talk / aperte para falar) de lapela acoplado e fone de ouvido, itens que facilitam o uso.

Foto Divulgação/Governo do Estado

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>