23 de novembro de 2020.

A novíssima emergência do Hospital Municipal de São João de Meriti – Abdon Gonçalves (antigo PAM), começou a receber todo tipo de pacientes nesta segunda-feira (23). O local conta com sistema de classificação de riscos, leitos de emergência, UTI, sala de medicação, ortopedia, sala de gesso e centro de imagem com raio-x, tomografia e ressonância magnética.

Por volta das 9h10 o primeiro paciente não covid chegou ao hospital, uma mulher que estava sendo atendida no Centro de Saúde Aníbal Viriato de Azevedo, no Jardim Íris e precisou ser transferida de ambulância após apresentar um quadro de saúde mais delicado. Na sequência, outros pacientes foram chegando, trazidos tanto pelo Corpo de Bombeiros, quanto pelo SAMU.

O hospital foi inaugurado em maio deste ano e, devido à pandemia do novo coronavírus, operava exclusivamente como unidade para os casos graves da doença. Centenas de pacientes de covid-19 foram atendidos nos últimos seis meses.

Apesar de agora receber também os pacientes não covid, o segundo andar do hospital mantém 30 leitos exclusivos e cadastrados no Ministério da Saúde para pacientes contaminados pelo novo coronavírus. Eles estão sendo mantidos em local isolado, com suporte de respiradores, monitores e até área de isolamento. Outro setor do hospital dispõe ainda de mais 30 leitos de internação clínica.

Para deixar a unidade ainda mais completa, estão sendo finalizados no terceiro andar dois centros cirúrgicos e o setor de hemodinâmica, com cateterismo e angioplastia, bem como a parte administrativa, o refeitório e um centro de tratamento oncológico no quarto andar.

Acompanhada por veículos de imprensa, a secretária de Saúde, Drª Marcia Lucas, explicou as mudanças:

“Em 2017 o PAM Meriti tinha quatro médicos e atendida cerca de 50 pessoas por dia e ainda fechava durante a noite. Fizemos uma reforma inicial e aumentamos o atendimento para quase mil pessoas por dia. Porém, o que realmente precisávamos era de um hospital, então demos o primeiro passo para transformar o PAM por completo”, disse.

A secretária explicou que agora o hospital está pronto para receber todo tipo de emergência, seja ela clínica, ortopédica ou de covid-19, contando com internação, quase 100 leitos para os pacientes e uma grande equipe, composta por médicos, enfermeiros, técnicos, auxiliares e demais funcionários.

A senhora Maria das Graças (45), se acidentou pela manhã e foi levada para o hospital onde precisou colocar uma tala: “Eu caí e precisei vir no ortopedista, fui muito bem atendida, desde a recepção até o final”, contou.

Já Elisabete de Matos (21), acompanhou o marido dela e disse que notou grande mudança na estrutura e atendimento: “Eu moro aqui perto, sempre frequentei o antigo PAM e posso dizer que agora está muito bom, melhorou muito, me sinto bem melhor em saber que hoje o município tem um hospital”, declarou.

A unidade conta também com o Centro de Imagem e Diagnóstico – CID, com tomógrafo, ressonância magnética, densitometria óssea, ultrassonografia, mamografia de alta resolução e laboratório. Sobre ele, a paciente Elisabete contou ainda que sua sogra fez um exame de imagem e foi bem atendida: “Foi muito rápido, em pouco tempo ela já teve acesso ao exame até pela internet”, declarou.

O Hospital Municipal de São João de Meriti fica na Av. Presidente Lincoln, s/nº – Jardim Meriti e funciona 24h por dia.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>