19 de janeiro de 2021.

Às 17h desta terça-feira (19) a primeira pessoa a receber a vacina contra o coronavírus em São João de Meriti foi imunizada. A auxiliar de serviços gerais, Lucilene Quintino Alves da Silva (52), funcionária da Secretaria Municipal de Saúde há 16 anos, atua diretamente na ala de pacientes graves de covid-19.

Lucilene comentou que não esperava ser a primeira pessoa do município a ser imunizada e que já passou por várias doenças: “Lidar com isso é como um dom, eu não tenho medo, mas fico mais tranquila com a vacina”, disse.

A ação aconteceu no Hospital Municipal de São João de Meriti e contou com a presença do prefeito da cidade, Dr. João Ferreira Neto, do vice-prefeito, Valdecy da Saúde e da secretária Municipal de Saúde, Marcia Lucas.

O prefeito da cidade reforçou que vai acompanhar de perto o processo de imunização, principalmente para que não haja desvio de nenhum frasco. Dr. João disse ainda:

“Hoje é um dia marcante, um dia para ficar na história! Estaremos vacinando amanhã todos os profissionais da saúde em nossas três emergências. Depois vamos atender nossos idosos e deficientes. Nossos agentes, que foram devidamente treinados, vão até os abrigos”, disse.

Mais cedo o município recebeu metade do primeiro lote das vacinas destinadas à cidade (7.435 doses), que será usada a partir de amanhã. Neste primeiro momento, apenas as pessoas abaixo serão imunizadas. Aos poucos, com a chegada de mais vacinas, o restante da população será atendido conforme determinação das autoridades de saúde.

Grupos que receberão as vacinas nesta primeira fase:

– Trabalhadores de saúde que atendem diretamente pacientes com covid-19 (CTI, enfermaria SRAG e emergências)
– Trabalhadores envolvidos na campanha de vacinação para covid-19
– Trabalhadores das instituições de longa permanência de idosos e de residências inclusivas
– Idosos residentes em instituições de longa permanência (institucionalizadas)
– Pessoas com deficiência a partir de 18 anos, moradoras de abrigos/residências inclusivas
– População indígena vivendo em terras aldeadas.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>