Aconteceu, na manhã desta sexta-feira (5), a primeira reunião do gabinete de gestão de crise de São João de Meriti. No encontro foram discutidas ideias para minimizar as fortes chuvas que têm afetado a cidade. O grupo foi criado na tarde de quinta (4) pelo prefeito Dr. João.

Desde o dia 29 de dezembro, São João tem sofrido com chuvas fortes. Em seis dias, houve um acumulado de mais de 50% de chuva – mais da metade do esperado para o mês de dezembro, o mais chuvoso do ano. O status foi elevado ao alerta máximo na cidade, de acordo com o protocolo de meteorologia e de cheias do Instituto Estadual do Ambiente (Inea). A Defesa Civil municipal fez 43 atendimentos até a manhã desta quinta-feira, entre deslizamentos e podas de árvores, entre outros.

No Conjunto Azul, em Coelho da Rocha, local afetado pelo alagamento de esgoto devido obstrução de dois canais, a Secretaria de Saúde montou uma base na Associação de Moradores e fez 328 atendimentos.

Estiveram presentes na reunião, além do prefeito, representantes da Secretaria de Ordem Pública, Obras, Educação, Fazenda, Captação de Recursos, Saúde, Assistência Social, Administração, Ambiente e Trabalho, e a Defesa Civil municipal e estadual.

As equipes estão nas ruas e se encontrarão novamente no fim da tarde para avaliar o cenário do município e entrega de relatório. Após, o gabinete de gestão de crise irá decidir se declara situação de emergência ou estado de calamidade pública.


Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>