Evento foi promovido pela prefeitura

Formação e Memória dos 50 anos da Morte de João Cândido. Este foi o nome do encontro que reuniu estudantes, professores, escritores e representantes dos movimentos de direitos humanos e igualdade racial em São João de Meriti. O evento, que aconteceu nesta terça-feira, 13 de agosto, no Instituto de Educação, foi promovido pela prefeitura, por meio da superintendência de Promoção de Políticas da Igualdade Racial, da Secretaria Municipal de Cultura, Lazer, Direitos Humanos e Igualdade Racial.

“Neste encontro quero me dirigir principalmente aos jovens para que, por meio do exemplo de João Cândido, também possam ser agentes de transformação. Vemos nos noticiários que o genocídio da população negra é crescente, por isso é tão importante investir em educação. Estudem, jovens. Aprendam. Se formem para ocuparem lugares de destaque, pois, lembrando Martin Luther King, pior do que o poder nas mãos dos maus, é o silêncio dos homens bons”, destacou o secretário da pasta, Marcelo Rosa.

A formação foi dividida em vários momentos. A primeira mesa contou com a presença do filho do marinheiro João Cândido, Adalberto Cândido. Também participaram a escritora Stella Caputo, representantes da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), do Instituto de Educação, do movimento pela anistia do marinheiro João Cândido, da companhia de teatro Cerne, que ganhou um edital para encenar a vida de João Cândido, entre outros. Entre as palestras houve performance teatral e rodas de capoeira.

13 de Agosto de 2019

Fotos: Beto Franzen

 

Visitas: 48

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>