6 de janeiro de 2020.

Uma singela homenagem foi feita nesta quarta-feira (6) por representantes da Secretaria de Cultura e Direitos Humanos, ao principal nome da Folia de Reis em São João de Meriti, mestre Pedro.


Devido à impossibilidade de fazer aglomerações por conta da pandemia de covid-19, o tradicional desfile do Dia de Reis não pôde ocorrer este ano. Apesar disso, a pasta não deixou a data passar despercebida.

Além de marcar o dia da festa, o objetivo também foi comemorar o aniversário do mestre Pedro, que completou 85 anos na última terça-feira (5).

A Folia é uma tradição católica vinda de Portugal e Espanha, e que faz referência à visita dos três Reis Magos ao Menino Jesus, após seu nascimento. Durante os desfiles, o grupo passeia cantando músicas pelas ruas. Ele sai do único ponto que ainda preserva a manifestação cultural em São João de Meriti, a sede da Folia de Reis (Estrela do Oriente Deus é Nosso Guia), que fica no bairro Vila São José.

Representando a Secretaria de Cultura e Direitos Humanos, o superintendente Frei Tatá, ressaltou a importância da data: “Nosso prefeito, Dr. João, tem esse compromisso com a cultura na cidade. É preciso fazer nosso trabalho por essa tradição”, disse.

Mestre Pedro lamentou não poder fazer o desfile por conta da pandemia de covid-19, porém ficou muito contente em poder reunir alguns dos amigos e colaboradores do evento:

“Estamos segurando a peteca, mesmo com 85 anos eu vou segurar até o final. Já foram vários eventos aqui em São João e não posso reclamar de não ter este ano, afinal essa doença (covid-19) só Deus pode ‘consertar’. Eu já falei, a minha folia não vai acabar”, afirmou.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>