07 de outubro de 2021

A Prefeitura de São João de Meriti, por meio da Secretária de Saúde, realizou no Espaço Femina, na Vila São João, o evento Outubro Rosa, que contou com a presença do Prefeito Dr. João, do Deputado Estadual Valdecy da Saúde e de Vereadores. A ação visa conscientizar a população sobre a importância do diagnóstico precoce e da luta contra o câncer de mama. Sempre respeitando todos os protocolos indicados pelos órgãos de saúde em relação à pandemia.

Prefeito Dr. João esteve presente no evento. Foto: Débora Vitória

Durante esse período as mulheres puderam participar de rodas de conversas, palestra e coffee break, além de atendimento médico e ginecológico. Elas também compartilharam conhecimentos sobre a importância de conhecer o próprio corpo, com a mastologista Christina Fidalgo Santoro.

Adriana Santaroni, 42 anos, paciente da doutora Christina Fidalgo, comentou: “Eu fui diagnosticada com câncer de mama em 2019, procurei a doutora Christina Fidalgo e ela me acompanhou durante todo meu tratamento, passei por todos os protocolos obrigatórios para pacientes oncológicos. Hoje estou curada e faço acompanhamento médico há dois anos e sete meses” e finalizou: “Agradeço ao Prefeito e ao Deputado Estadual Valdecy da Saúde por todas as melhorias realizadas nos Hospitais de São João de Meriti”.

Adriana Santaroni. Foto: Sara Dutra

O Prefeito falou da importância dos exames: “O diagnóstico precoce é de grande relevância, pois hoje no Brasil a doença que mais ocasiona óbitos na população feminina é o câncer de mama e o câncer de colo do útero”. E comentou, ainda, sobre a importância do Sistema Único de Saúde (SUS), pois o ele oferece todos os exames necessários para o diagnóstico gratuitamente, sendo eles: preventivo, ultrassonografia transvaginal e mamografia.

Instituído no Brasil pela Lei nº 13.733/18, o mês de outubro é conhecido mundialmente pela luta e conscientização contra o câncer de mama. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA) apenas no ano de 2020 foram registrados mais de 2,3 milhões de casos novos. O câncer, se descoberto na fase inicial, tem maior chance de cura. A Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) recomenda a realização do exame de mamografia a partir dos 40 anos, anualmente.

Mastologista Christina Fidalgo Santoro. Foto: Débora Vitória

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>